Queda por voos no Brasil: reflexo econômico e social

gol-boeing-737-8005

A demanda por voos em todo o Brasil recuou cerca de 3,2% em fevereiro/2016 na comparação com o mesmo mês de 2015, registrando assim a sétima baixa consecutiva que agrava o cenário de fraqueza para o setor – esses dados são da ABEAR a associação das aéreas nacionais. A taxa de ocupação dos voos domésticos ficou em 78,43% e a queda de 1,6% nas comparações fevereiro de 2015/2016. No mercado interno a Gol Linhas Aéreas liderou em participação em fevereiro, com 36,24%, ante 36,41% em fevereiro do ano anterior, seguida pela TAM com 35,71%, ante 36,84%. Já a Azul veio em terceiro lugar, com 16,71%, contra 17,61% anteriormente, e a Avianca em quarto, com 11,33%, ante 9,14%. A TAM foi líder no segmento internacional com fatia de mercado de 77,77%, ante 76,49% em fevereiro de 2015, seguida por Gol, com 12,57%, ante 15,61% anteriormente. A Azul teve fatia de 9,57%, contra 7,82% anteriormente, e a Avianca ficou com 0,09% do mercado, ante 0,08%. No segmento de voos internacionais houve crescimento de 5,4% da demanda e alta de 4,39% da oferta. Embora as taxas continuem crescendo, mostram tendência de desaceleração desde o último trimestre de 2015. [Elias Marques, editor MTb 41962SP, de SP * Fotos: NOP-Fly]

Anúncios

Na mira dos aviões experimentais…

131

Segundo dados da ANAC Agencia Nacional de Aviação Civil existem atualmente no País cerca de 5,1 mil aeronaves experimentais autorizadas, mas que devido aos últimos acontecimentos, vem preocupando o setor. Esses modelos que praticamente são montados e construídos pelos próprios admiradores da aviação correspondem por cerca de 25,6% da frota circulante. Somente no ano passado foram mais de 45 acidentes notificados juntos aos órgãos fiscalizadores e responsáveis por esses aparelhos, o que levaram a morte cerca de 20 pessoas por todo o Brasil. Com isso devem-se aumentar as autuações para minimizar esse trágico índice. Diferente dos EUA, por lá são mais de 30 mil aeronaves deste porte – classificados como “Experimental” que voam por todos os estados daquele país. [Helio L Oliveira, editor MTb 69429SP, de SP – Foto: Divulgação]