Icelandair: tudo pela aurora bureal…

icelandair_airplane_1

"Hengill" Landing Toronto-Pearson

Icelandair Airplane

A companhia aérea islandesa “Icelandair” proporciona a seus passageiros a experiência única de ver o incrível fenômeno natural da “Aurora Boreal” de uma forma única e diferente. Além de uma vista incrível o evento se torna uma experiência fantástica dentro da cabine e do interior do Boeing “757” que conta também com uma iluminação especial de LED. A famosa “Aurora Boreal” só pode ser vista em momentos especiais, além de conhecer incríveis lugares como a Islândia, Suécia, Noruega e Finlândia. Além do acontecimento celeste o turista pode contar com outros vários motivos para viajar e conhecer novos lugares, como explorar culturas diferentes. A região também tem um forte apelo para a visitação com diferentes atrações, como parques temáticos, castelos incríveis e locais impressionantes. O “avião de janelas panorâmicas” proporciona aos passageiros da “Icelandair” uma estratégia de marketing, cujo voo a bordo do avião temático têm a promessa ser assistido durante o próprio voo.

icelandair_airplane_2

A campanha é denominada “Icelandair Stopover”, onde também os clientes têm a opção de ficar até sete dias na Islândia (sem precisar pagar taxas extras). A aeronave “Hekla Aurora” é toda estampada com as belas cores do fenômeno natural, que cruza o Oceano Atlântico todos os dias. O “Hekla Aurora” começou a voar no inicio de fevereiro de 2015 e que inclui paradas nas cidades de Reykjavík, na Islândia, Amsterdã na Holanda, Seattle, nos EUA e Londres, na Inglaterra. Jean R Dierckx, de Bruxelas, Bélgica – Correspondente para a REV INFLYGHT AÉREO BRASIL – Images: Icelandair/Press

Os importantes modais do transporte nacional.

Os importantes modais do transporte nacional.

lineage_1000_234_embraer
Para que os fluxos ganhem mobilidade, é possível distinguir, em função da adequação da malha viária aos produtos transportados, os seguintes meios de transportes: Rodoviário, Ferroviário, Aeroviário e Aquaviário.

 Varig_B737-8HX_PR-VBJ

DSCN5525

O transporte aeroviário nacional é bem recente, que teve como desenvolvimento iniciado no pós-Segunda Guerra Mundial, estabelecendo uma nova referência de velocidade de deslocamento. O modal é responsável pelo deslocamento de produtos de alto valor agregado e de baixo peso unitário, com intuito de atender as entregas mais urgentes, como equipamentos médicos, transplante de órgãos, equipamentos científicos, entre outros. Para a aviação comercial de passageiros é mais rentável pela expansão regional e industrial imposta a partir dos ano 2000. O Brasil recentemente passou por algumas crises aéreas devido à defasagem infraestrutural de seus aeroportos e carência de mão de obra qualificada para as operações de controle de tráfego aéreo.

DSCN0671

Atualmente tem uma boa malha aeroviária, onde totalidade da federação é servida pelas companhias aéreas nacionais, motivadas principalmente pela expansão do serviço regional, evidenciando a cidade de Campinas, SP (hub de Azul Linhas Aéreas) de onde partem para os principais aeroportos do sul, sudeste, centro-oeste, norte e nordeste. Já a grande concentração fica com as duas grandes empresas aéreas atuais: a TAM (maior frota de aviões do Brasil) e a Gol – esta, que inaugurou o serviço de tarifas econômicas em 2001, no que objetivou mais voos por todo o País.  Elias Marques, editor MTb 49162SP, de SP – Fotos: Divulgação/NOP-Fly/Inflyght Aéreo.

Com expansão, Azul integra o Centro-Oeste

DSCN5500

A Azul Linhas Aéreas Brasileiras inaugurou uma rota e inédita na aviação brasileira – a ligação entre Campinas e Sinop, no MT. A companhia aérea passou a ter 58 destinos atendidos sem escalas ou conexões a partir de Campinas, oferecendo ainda mais conectividade aos clientes do interior do Estado de Mato Grosso. “O novo voo trás uma adequação da companhia em virtude da alta demanda entre importantes cidades brasileiras, além de ampliar uma maior conectividade em Viracopos e o interior mato-grossense. Assim Sinop passa a contar com as novas opções juntamente com todo o País, pois a cidade detém uma grande força no agronegócio” – destacou Marcelo Bento, diretor de Planejamento e Alianças da Azul. São 12 ligações semanais entre Campinas e Sinop operadas pelos jatos da Embraer na série “190” [equipados com 106 poltronas e que serão operados entre a metade da manhã e o início da tarde], onde a companhia oferece mais de 1,2 mil assentos. Os voos duram aproximadamente 1h40min – cujas cidades distam aproximadamente dois mil km. Adamo Bazani, editor MTb 31521SP, de SP – Foto: NOP-Fly/Inflyght Aéreo

TAM: números positivos de decolagens…

DSCN4320

A TAM alcançou um recorde histórico nas taxas de ocupação domestica e internacional em seus voos para diferentes localidades durante o ano de 2014. Na apresentação do “Load Factor Annual” a companhia aérea brasileira foi destacável pela ANAC Agencia Nacional de Aviação Civil. “Desde o ano de 2011 buscamos alcançar a eficiência operacional com fortes aproveitamentos dos nossos ativos, cuja estratégia permitiu atender as necessidades de nossos clientes e assim objetivarmos o grau máximo da qualidade de estratégia que aumentou as ocupações nos voos que operamos” – destacou a presidente da TAM, Claudia Sender. Em uma década a empresa saiu do patamar de 30% de ocupação e atualmente registra um excelente índice numérico. “Graças a excelência e a suprema qualidade, cuja capacidade de nossos colaboradores permitiu atingir essa satisfação junto aos nossos cliente, tanto nos voos nacionais como nos internacionais” – finalizou a executiva da companhia aérea brasileira. Enquanto o mercado doméstico apontou uma taxa de ocupação de 79,7%, a TAM obteve em 2014 o índice de 81,4% entre todas as aéreas brasileiras. Já nos voos internacionais a TAM alcançou exatos 85%, contra 82,6% do mercado geral. [Helio L Oliveira, editor MTb 69429SP, de SP – Foto: NOP-Fly/Inflyght Aéreo]

“Sky Sofa” da AZUL

azul_sky_sofa_0

O interior das sete aeronaves “Airbus A330-200” – que formatam a nova espinha dorsal de sua frota internacional foi introduzida para atender a expansão dos serviços aéreos e garantir aos clientes da Azul Linhas Aéreas Brasileiras uma experiência diferenciada. Cada unidade passou por um programa de revitalização, modificando completamente a configuração interna, de modo a estabelecer um exclusivo padrão de conforto e qualidade. Entre as diversas melhorias e novidades, desde as poltronas até os banheiros, passando pelas áreas de circulação, sistemas de iluminação e entretenimento, foram incorporadas visando à criação de um novo e moderno padrão.

azul_sky_sofa_1

“A Azul é a pioneira na introdução de um novo padrão de conforto que, na classe econômica, por exemplo, apresenta o SkySofa, que é um grupo de quatro poltronas que se transformam em um confortável sofá para toda a família. Um produto diferenciado, que possibilita muito mais comodidade para viagens em família ou em casais” – destacou o diretor de Comunicação, Marca e responsável pelo desenvolvimento do produto, Gianfranco Beting. Na classe executiva está a confortável e privativa cama com reclinação de 180°, que garante máximo descanso e comodidade para dormir, ler, assistir à ampla programação de entretenimento, ou até mesmo trabalhar. A disposição dos assentos, no formato 1-2-1, oferece um acesso direto aos corredores, permitindo ainda mais conforto. Já as poltronas da classe econômica serão revestidas em couro, proporcionando uma viagem mais agradável, e uma separação entre fileiras de 78 centímetros, o mesmo padrão de conforto que faz da “Azul” ser lembrada quando o assunto é espaço individual. Além disso, os voos internacionais contam com o já consagrado “Espaço Azul” na classe econômica [que tem 86 centímetros entre as fileiras].  Elias Marques, editor MTb 49162SP, de SP – Foto: Azul Linhas Aéreas

Azul Linhas Aéreas: integrante da IATA

DSCN5515

A Azul Linhas Aéreas Brasileiras integra um seleto grupo de 250 companhias do setor que cumprem os mais rigorosos critérios de segurança operacional e poderá participar de discussões e estudos globais sobre a indústria da aviação comercial global. A aérea brasileira passou a ser associada à IATA. A Associação Internacional de Transporte Aéreo é uma entidade internacional fundada em 1945 para representar, liderar e servir a indústria da aviação comercial e responsável por 84% do tráfego aéreo mundial. “A confirmação da companhia como membro da IATA corrobora o trabalho intenso e impecável que realizamos diariamente para conferir a segurança de nossas operações em todos os processos. Como associados à IATA, nossa missão é a de entregar ainda mais confiabilidade e uma experiência cada vez mais completa aos nossos Clientes. Segurança é o valor número um da companhia e norteia absolutamente tudo o que fazemos” – destacou Antonoaldo Neves, presidente da Azul. Para fazer parte da associação, as empresas precisam contar com o IOSA (IATA Operational Safety Audit), certificação recebida pela Azul ainda em outubro de 2014. A rigorosa auditoria, pelo qual a companhia foi aprovada, verifica mais de 900 requisitos e recomendações práticas relacionadas à segurança das operações, incluindo documentos, processos e procedimentos de oito áreas operacionais. Helio L Oliveira, editor MTb 69429SP, de SP – Foto: NOP-Fly/Inflyght Aéreo