A Gol Linhas Aéreas e suas 127 aeronaves.

DSCN1175 DSCN1176

A Gol Linhas Aéreas possui atualmente a IMF Idade Média da Frota em 6,5 e 127 aeronaves. A companhia aérea que foi fundada em 2001 possui a frota padronizada nas aeronaves de fabricação norte-americana da Boeing, divididas entre os modelos “737-700” com 31 unidades e 96 aviões “737-800”. Já a companhia pertencente ao Grupo VRG (que congrega juntamente com a Gol) a Varig é composta atualmente por cinco aeronaves “737-700” e ainda mais cinco aviões “737-800” (cuja IMF atinge 10,1). Por Helio L Oliveira, editor MTb 69429SP, de SP – Fotos: NOP-Fly/Inflyght Aéreo

Anúncios

O turismo está em alta nas Américas!

DSCN1219

O turismo está em alta nas Américas! Somente em 2013 cerca de 22 milhões de brasileiros visitaram os EUA, deixando por lá mais de 23 bilhões de reais, principalmente em compras na gigantesca e exuberante NY Nova York. Por lá a mpedia de gastos dos turistas do Brasil atinge cerca de 7,2 mil reais. A compra de maior atenção pelos brasileiros ainda é o eletroeletrônico.  Por Elias Marques, editor MTb 49162SP, de SP – Foto: Inflyght Aéreo/NOP-Fly Imprensa

Oferta e demanda devem apresentar números positivos na aviação comercial brasileira neste ano de 2014!

DSCN2905

“Dois mil e treze foi um ano muito difícil para o setor aéreo nacional, de muita pressão nos custos o que levou algumas estratégias logísticas e novos métodos administrativos impostos pelas companhias brasileiras” – afirmou Eduardo Sanovicz, presidente da associação que representa o setor, a Abear. Com esta nota tem-se a referencia de que a oferta de assentos em voos domésticos verificado nas quatro maiores empresas aéreas do Brasil subiram 2% no ano passado quando comparados ao exercicio de 2012. Já demanda de passageiros obteve uma alta de 6,5% na mesma comparação. Mas segundo o executivo, para este ano de 2014 há sinais de melhora. “No terceiro trimestre, os dados (financeiros) das empresas aéreas já havia sinalizado alguns pontos positivos. No último trimestre de 2013, que é o melhor do ano, indicava que a situação e o susto maior já tinham passado e que em alguns detalhes estava melhorando” – destacou Sanovicz. Para 2014, a expectativa é de alta de 3,5% na oferta e de 7,4% na demanda. Também para o grande período da Copa do Mundo, a expectativa é de redução na demanda. Assim a taxa de ocupação das principais aéreas brasileiras como a TAM, Gol, Azul e Avianca ficou em 76,2% no ano passado. Por Elias Marques, editor MTb 49162sp, de SP – Foto: Inflyght Aéreo/NOP-Fly Imprensa

Airbus: recorde histórico do número de encomendas de aeronaves no mundo!

airbus_a318 airbus_a319 airbus_a320airbus_a340 airbus_a350_xwb

airbus_a380

airbus_a330

A fabricante de aeronaves a jato – Airbus bateu o recorde histórico de número de encomendas com 1619 pedidos. A companhia francesa ultrapassou a Boeing (fabricante norte-americano que obteve 1355 encomendas de aviões no período de 2013). Assim o período registrou o melhor número de entregas da história, com 648 aeronaves que deixaram os portões das fábricas. A brasileira – terceira colocada entre os maiores fabricantes de aviões do mundo – Embraer, também apresentou um excelente resultado, que teve um dos melhores anos de sua história que resultou com 345 pedidos firmes de aviões. As inovações tecnológicas e a procura por novos aviões estimulada pela expansão das companhias aéreas verificada principalmente nos mercados emergentes contribuíram para os excelentes resultados do setor a nível mundial. Mesmo com a crise financeira nos EUA e parte da Europa, em todo o planeta mais e mais pessoas estão viajando de avião, principalmente para os negócios e em segundo lugar nas atividades turísticas. Por Jean R Dierckx, de Bruxelas, Bélgica, Correspondente para a Revista Inflyght Aéreo -Brasil – Images: EADS/Airbus/Press

TAM – maior operadora aérea brasileira!

tam_airbus_a_320

A TAM – maior operadora aérea brasileira possui atualmente uma frota de 159 aeronaves, no que representa uma IMF Idade Media da Frota de 6,1 anos. Em sua composição complementam: 94 unidades do modelo A-320 da Airbus, seguido de 26 unidades do A-319 e de 14 aviões A-330. Seguem também: 10 unidades cada dos modelos A-321 da Airbus e do “777-300” da Boeing que operam principalmente em rotas transoceânicas. Na contabilização da frota a TAM completa 5 unidades do Boeing “767-300”. Por Eduardo J Oliveira, editor MTb 15675SP, de SP – Foto: TAM/Divulgação.

ATR: empresa franco-italiana é uma das principais fabricantes de aviões turbo-hélices regionais do mundo.

atr_42_600 OLYMPUS DIGITAL CAMERA atr_72_600 ATR 72-600 Air New Zealand MSN 1051 air to air

A fabricante de aviões turbo-hélice: ATR afirmou em nota de imprensa que entregou 74 aviões durante todo o ano de 2013, alcançando uma receita recorde de US$ 1,63 bilhões de dólares – aumento de 13% sobre o mesmo período de 2012, como comparativo. As entregas dos robustos e potentes aviões da série 72-500, 72-600 e 42-500/600 contribuiram para o aumento de 12% a mais entre 2013/12. A ATR – controlada pelo Grupo Airbus e pela italiana Finmeccanica tem em carteira cerca de 89 pedidos firmes e ainda 106 processos em negociação para concretizarem um “Ok”. A empresa franco-italiana é uma das principais fabricantes de aviões turbo-hélices regionais do mundo. Por Jean R Dierckx, de Bruxelas Bélgica, Correspondente para a Revista Inflyght Aéreo – Brasil – Images: ATR/Press/Communication

Antonoaldo Neves é o novo presidente da companhia Azul Linhas Aéreas Brasileiras.

ant_neves_pres_azul

Antonoaldo Neves – é o novo presidente da companhia Azul Linhas Aéreas Brasileiras. O executivo atuou em diversos projetos de aviação e infraestrutura no setor privado e também no Governo Federal. Formado em Engenharia pela Escola Politécnica da USP Universidade de São Paulo, Neves possui MBA pela Darden School of Business da Universidade de Virgínia (EUA) e um mestrado em Finanças Corporativas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ). Foi membro do Conselho da Infraero Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária entre 2011/2012 e atuante como diretor corporativo em renomadas empresas brasileiras. David Neeleman seguirá como CEO e se ocupará de assuntos estratégicos da empresa que ele fundou e que atualmente é a principal aérea regional do país e uma das mais importantes da América Latina. Por Elias Marques, editor MTb 49162SP, de SP – Foto: Divulgação.